Você está visualizando atualmente Rajoy Defende O Acordo Com O Local E Aposta Por “tentativa De Preservá-lo”

Rajoy Defende O Acordo Com O Local E Aposta Por “tentativa De Preservá-lo”

Dirigentes do PP e Cidadãos limaron asperezas insuficiente após o confronto protagonizado entre ambos os partidos ao finalizar o debate de investidura no Congresso, de acordo com fontes conhecidos’. A secretária-geral do PP, María Dolores de Moacyr, assegurou neste sábado que seu partido continua apostando nesse pacto e que até desejaria de desenvolver este para conservar suas opções de ganhar uma segunda investidura. E questionada a respeito, foi acrescentado que tem havido contactos entre ambas as partes depois da investidura falha de Rajoy, entretanto não quis dar mais sugestões.

Local, porém, esclareceu que o líder desse partido, Albert Rivera, não falaram. Segundo as referências ‘populares’ consultadas, os contactos tiveram espaço nada mais terminar a sessão Plenária de ontem entre dirigentes de ambas as partes. Após a intervenção de Rivera, porta-voz do PP, Rafael Hernando, lhe respondeu com certa raiva que os ‘famosos’ não mudarão de candidato e que, no momento em que assinam um pacto não é pra durar “15 minutos”.

A intenção desses contatos era reconduzir uma relação que os ‘famosos’ consideram boa, depois de dias de intensa negociação com os Cidadãos, que culminaram em um acordo de investidura que hoje o PP tem defendido e reivindicado para o futuro. O rifirrafe de ontem, garantem fontes para esse jogo, faz divisão do debate parlamentar, e a tua entrada em cena, porém não tem por que levar a novas conseqüências. O presidente em funções quis resolver que a sua aposta por uma aliança com a criação laranja é firme antes de sair esta noite e até terça-feira à China pra participar da reunião do G-20.

Sigo sempre afirmou que o intuito do candidato do PP e do jogo é retomar os contatos com “todos” no momento em que regressar da viagem, todavia não esclareceu no momento em que, nem sequer com quem. “Vou tentar preservá-lo e preservar a sua vigência”, prometeu o presidente em funções, após conduzir os dirigentes de seu partido, que devem proteger o teu direito a governar. “Temos o direito de governar e continuar tentando”, comentou o presidente, segundo as fontes. A secretária-geral do PP, María Dolores de Moacyr, garantiu que o partido continua apostando amplificar a aliança ao PSOE mediante o governo de enorme coalizão.

Artigo 122. Consultas famosos. As ações que o Estado realize pela Catalunha em matéria de investimento em bens e objetos culturais é necessário o acordo prévio com o Governo. Art. 129. Direito civil. A habilidade exclusiva em matéria de primeira acolhimento das pessoas inmigradas, que inclui as acções sócio-sanitárias e de indicação. O desenvolvimento da política de integração das pessoas inmigradas no âmbito de suas competências. O estabelecimento e a regulamentação das medidas necessárias para a integração social e económica das pessoas inmigradas e para a sua participação social. O estabelecimento, por lei, de um quadro de fonte pro acolhimento e integração das pessoas inmigradas.

A promoção e a integração das pessoas regresadas e o suporte às mesmas, impulsionando as políticas e as medidas adequadas, que facilitem teu regresso a Catalunha. 2. Corresponde à Generalitat da capacidade executiva em matéria de autorização de serviço a estrangeiros cuja conexão de trabalho se desenvolva na Catalunha. A tramitação e resolução das autorizações iniciais de serviço por conta própria ou alheia. Governo que terá que ser regulamentada na legislação estadual e que não pode sustanciarse em conexão aos órgãos decisórios do Estado, nem ao menos impossibilitar ou prejudicar o livre e pleno exercício das competências estatais.

Artigo 180. Designação de participantes do Tribunal Constitucional e do Conselho Geral do Poder Judicial. A Autarquia participa dos processos de designação de Magistrados do Tribunal Constitucional e de participantes do Conselho Geral do Poder Judicial, nos termos que dispõem as leis, ou, em teu caso, o ordenamento parlamentar.

Comunidade Autônoma (art. 152.1 CE), contudo em representação do Estado (em sua outra característica institucional, segundo o mesmo art. Daí que o art. As percentagens de cessão de impostos previstos nas disposições adicionais 8ª, 9ª e 10ª só alcançarão virtualidad no momento em que se tenha definido, no seu caso, pelo órgão multilateral correspondente e que tenham sido aprovados pelas Cortes Gerais. Os autores dos quatro votos particulares que discordam da sentença por considerá-la muito “benevolente” fazem fração do setor “conservador” do tribunal. O magistrado Jorge Rodríguez-Sapata Pérez considera que o Estatuto tem um “vício colossal de inconstitucionalidade” que se tentou salvar com um “exercício desproporcional de legislação positiva”.

  • Dois Corrida espacial e a corrida armamentista
  • Comtat Venaissin (Avignon), um dos Estados Pontifícios
  • 1946: Brian Cox, ator britânico
  • dois Tesouros perdidos, pirataria e arqueologia
  • Melilla – Equo solo

O magistrado Javier Delgado Bairro coincide em destacar que a sentença contém uma “longa tabela de interpretações”, que implica uma releitura completa do Estatuto e que excedem as funções do tribunal. O Tribunal Constitucional “tem operado não como o que é-um órgão jurisdicional-, entretanto como não é um órgão legislativo, pois que cria um novo Estatuto”. Também manifesta que a sentença teria que ter começado declarando a inconstitucionalidade das fontes que se faz no preâmbulo a “a Catalunha como nação”.

O quinto voto especial, o do magistrado “progressista” catalão Eugeni Gay, vai a um sentido inteiramente contrário aos dos outros 4. Os 6 juízes que não recomendaram nenhum voto particular foram os “progressistas” Maria Emilia Casas Baamonde, presidente do tribunal e relator do acórdão, Pascal Sala Sánchez, Elisa Pérez Vera e Manuel Aragão Reis, e o “conservador” Guillermo Jiménez Sánchez. Cidade de mais nada saber da sentença tornou público um comunicado em que qualificou a situação de “gravíssima”.